Coleção Alceu Valença e Chico Rei
Coleção Alceu Valença e Chico Rei

Maracatu, coco e viola. Pop, pedaleira e guitarra. Raiz e contemporaneidade. Resistência e esperança.

Alceu Valença é tanta mistura, equilíbrio e desequilíbrio que deixa qualquer um apaixonado. Alceu é a cara de Pernambuco, a cara do Nordeste, a cara do Brasil!

As músicas para ele funcionam como HDs de lembranças da vida. Mergulhamos de cabeça nesse acervo de memórias e o coração ficou bobo que só!

Foi mistério, segredo e muito mais. Removemos o pen drive com segurança, afinal, não se brinca com disco rígido tão valioso. E o colocamos no coração-balão para voar de Pernambuco a Minas!

Os versos desse repente você confere na mais nova coleção oficial da Chico Rei, que anunciamos com um orgulho maior que a Praia de Boa Viagem inteirinha.

Bença, Valença!


Alceu Valença + Chico Rei

Todo fã da música popular brasileira não tem dúvidas que Alceu Valença é uma verdadeira lenda viva. O músico pernambucano traz a essência da música nordestina em suas composições, que já emocionaram e vão continuar emocionando pessoas de várias gerações ao redor de todo esse nosso planeta azul.

Alceu ficou exilado na França no ano de 1979 e este autoexílio resultou em uma das suas mais belas composições, a suave e marcante La Belle de Jour.

A composição nasceu graças a um encontro inesperado com uma linda mulher em um dos muitos bares de Paris, para quem ele se apresentou como poeta, então, ela pediu “Me faça um poema!”, e nem mesmo o próprio Alceu acreditava que isso lhe renderia uma de suas músicas mais tocadas no mundo.

Outro fato que ele também não imaginava é que essa mulher era Jacqueline Bisset, uma atriz britânica famosíssima na época, que ele só descobriria depois.

Além de homenagear a belíssima atriz, o cantor também trouxe uma história de amor com uma antiga namorada, com quem frequentava a Praia de Boa Viagem, no Recife. Desta mistura de histórias, nasceu a belíssima canção La Belle De Jour para encantar nossos ouvidos!

Além disso, seu exílio na França também nos rendeu o famoso disco Saudade de Pernambuco (1979), que faria muito sucesso posteriormente. Outro sucesso do cantor e compositor é a bela "Anunciação" que, apesar de ter sido gravada em 1984 foi uma das músicas mais tocadas entre 2015 e 2019 e sempre rola nas melhores rodas de violão do nosso vasto país.

Além de ser amplamente famoso na música, Alceu também é escritor e destacamos "O Poeta da Madrugada", seu livro que foi lançado em 2015, e seu primeiro longa-metragem, lançado em 2016, a partir da história de Lampião e Maria Bonita no sertão, chamado "A Luneta do Tempo".

Esse artista porreta do nosso Brasilzão mora em nossos corações e, claro, não poderia deixar de ter uma coleção exclusiva aqui na Chico Rei, não é mesmo? Então, se você estava procurando aquela camiseta perfeita ou uma caneca pra tomar seu café quentinho com o melhor jeitinho Alceu Valença de ser, confira todos os produtos desta coleção!