Apesar de nossos esforços, estamos bem longe de poder controlar todos os aspectos de nossas vidas, e o mundo nem sempre colabora para nos ajudar com o que queremos. Há dias em que reina a felicidade e todas as coisas parecem se encaixar, como se o universo conspirasse a nosso favor. Mas também há dias bem terríveis, onde tudo dá errado, as esperanças se apagam e ficamos perdidos no escuro. E tudo bem, como seres vivos nesse planeta, é nossa sina viver essa eterna dualidade, sempre em ciclos, como as estações do ano. Precisamos saber nos preparar para o inverno, estocar provisões e arrumar um cobertor quentinho, e não esquecer que o verão chega logo depois.